6.3.09

Sexo

Procuro aqui reflectir sobre a realidade, descrever o que é homem/mulher, o corpo, o sexo e o amor. E, a partir daqui compreender melhor o profundo sentido que tem a dimensão sexual da personalidade. Assim saberei melhor como vivê-la.
A pessoa humana tem no seu interior a necessidade de ser conhecida, "procurada" e amada, de conhecer e amar outros. Necessitamos de que os outros nos conheçam, nos compreendam, nos aceitem e nos amem. A pessoa humana necessita entregar-se, dar-se a conhecer e amar de uma forma mais profunda, total. Isso inclui a pessoa toda, tanto a alma como o corpo
A entrega do corpo é a expressão da entrega total. Porque o corpo "sou eu" não é uma coisa externa, um agasalho, ou uma máquina.
São necessidades fisiológicas e psicológicas que estão registadas desde à nascença. Não conseguimos viver sem ele. Apesar, de hoje em dia haver casais que têm prática sexual, muito reduzida, devido à ocupação profissional, os filhos para cuidar, o stress, muito stress, chegam ao fim do dia cansados, e não há "paxorra" para eles. É um dos grandes e graves problemas que a sociedade actual enfrenta.
Lumenamena

3 comentários:

Carlos Bayma disse...

Tá aí!!! Gostei do que escreves. Aqui é uma casa portuguesa, com certeza!!!

Diogo Rugeiro disse...

-.-"

prazer é o motivo, amor a razão... compreendida/elaborada/ou racionalizada...

Observer disse...

"A pessoa humana tem no seu interior a necessidade de ser conhecida, "procurada" e amada, de conhecer e amar outros. Necessitamos de que os outros nos conheçam, nos compreendam, nos aceitem e nos amem. A pessoa humana necessita entregar-se, dar-se a conhecer e amar de uma forma mais profunda, total. Isso inclui a pessoa toda, tanto a alma como o corpo"...

Talvez numa visão mais obscura em que me encontro deva referir que por vezes a única coisa que o ser humano quer é o afastamento do mundo e não da entrega a alguém.